29.3.14

[Coluna Zofia] Saudade.

29.3.14

Hoje percebo que sou só saudade. Do teu cheiro, do teu abraço, do teu sorriso. Sou saudade. Apenas isso. Um resumo de tudo que eu sou. Saudade. Querer-te em tempo integral e só ter essa palavrinha inútil ecoando em minha mente. Saudade de quando rimos sem parar. Daquele dia em que sentimos dor na barriga, de tanto que rimos, sem nenhum motivo plausível ou normal para isso. Saudade daquele momento em que você para e fica me encarando, sem motivo aparente também, só por que você gosta de me deixar envergonhada. Saudade de deitar ao teu lado e ficar conversando coisas bobas sem se preocupar com o tempo. Saudade da sua mão acariciando meu cabelo, enquanto eu deito a cabeça no seu ombro e assistimos a um filme qualquer. Por que quem é que liga para o filme? O que me importa é estar com você. Saudade de sentir sua barba arranhando meu rosto enquanto ficamos abraçados. Aquele abraço apertado, que cura minhas feridas, passa minhas dores. Saudade. Que saudade. Que nó na garganta. Que dor no peito. Que vontade de ter minha mão se entrelaçando na tua. De você me irritando. Fazendo-me ficar brava, só pra rir de mim. Apenas saudade de te ver. Apenas saudade de te ver sorrir. Apenas saudade de estar aí, contigo. Apenas saudade de você aqui, comigo. Saudade de chegar em casa com teu cheiro na minha roupa. Saudade de deitar na cama e sentir teu cheiro no meu travesseiro. Saudade de uma vida inteira, se for olhar pelo lado de eu nunca ter te visto ou sentido tais coisas, vivido tais momentos. A gente se encontra, qualquer hora, qualquer dia. Mas por enquanto, sou só saudade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Muito obrigada pela visita e volte sempre <3

Bela Psicose - 2016

Design e Desenvolvimento por Moonly Design / ©