25.3.14

[Poesiando] Ao mar

25.3.14

Bem mal de mar revolto
buscas respostas no profundo das águas
e indigna-se ao não encontrar
Como isso pode ser?

Se finda na rocha do saber
mesmo sem tudo entender 
Lança-te nas incertezas de seu próprio ser
se imersa no duvidar.

Queres e não tem
esta é a âncora que prende
teu tão sonhado velejar
Desancora-te e vá navegar.

7 comentários:

  1. Você é muito boa em? Porque não coloca tudo em um livro? Eu compraria com certeza, amo crônicas, poesias,contos...
    bjs, me visite..segui e curti
    http://ateliedoslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Cara, seu blogue é lindo. Eu seguia o Teoremas de Ana que conheci há muito tempo. E agora, quando fui olhar de novo, achei essa bela psicose que é aqui. É lindo demais. Mesmo.
    Sua poesia é muito simples, fofa e gostosa de ler.
    "Desancora-te e vá navegar."
    É, acho que ando precisando disso...

    Beijos, Ana.
    virgula assassina.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bom saber que você gostou daqui *-* Em breve volto com as resenhas :)

      Excluir
  3. Oiii , eu me identifiquei com esse poema , desculpe se falei errado , não conheço muito mas essa é linda, eu gostei .
    Visita também ? E estou curtindo sua fan page
    Espero que visite , beijos
    www.batom-veermelho.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Bela poesia, meus parabéns.

    Arthur Claro
    http://www.arthur-claro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. CARA, que poema maravilhoso! <3

    Amo/sou poesia na vida de todos.
    http://inverso-mente.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada pela visita e volte sempre <3

Bela Psicose - 2016

Design e Desenvolvimento por Moonly Design / ©