16.12.15

Resenha | Marcas da Guerra

16.12.15
Marcas da Guerra
Ligue a TV, assista Star Wars (episódios IV, V e VI). Desligue a TV. Se você já fez isso, você está mais que preparado para embarcar na nave do Capitão Wedge Antilles, no livro Marcas da Guerra. Lembrou dele?! 


Você provavelmente acredita que com a destruição da Estrela da Morte, o império acabou. Claro, você viu a explosão. Você sabe o que aconteceu. Mas não acabou por aí. Em Marcas da Guerra, o autor Chuck Wending, leva o capitão Antilles alguns meses após a destruição da Estrela da Morte, até o planeta Akiva e mostra que ainda existem seguidores sobreviventes do Império Intergaláctico. Neste livro, você vai conhecer Norra Wexley, uma piloto rebelde que participou da destruição do império, porém ainda tem pesadelos sobre o episódio, e isso - particularmente - me deixou de coração partido, porque tudo o que ela quer é voltar para casa e ver seu filho que ela já não vê há muito tempo.

Marcas da Guerra
Marcas da Guerra

E para entrar completamente na história, a princesa Leia Organa te convida a lutar contra os resquícios do império. 


[Escute o convite feito por Leia de 0:15 até 0:30]

Enfim, assim como eu, você vai se apaixonar e ficar ansioso para a continuação dessa trilogia - Aftermath. Vai se envolver com os novos personagens... Vai desejar estar na luta (ou passar para o lado do império, depende da forma como a Força move em você).

E agora você está mais que preparado para garantir seu ingresso e ir ao cinema assistir a Star Wars VII - O Despertar da Força. O filme estreia no dia 17/12 e já bateu recorde de vendas. Ficou ansioso?! Então, corra! Garanta seu ingresso. Que a Força esteja com você. 



Um comentário:

  1. Eu não curto star wars, mais respeito quem gosta. seu post ficou legal.
    Bjos!!!
    www.batomnacapa.blogspot.com passa lá....

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada pela visita e volte sempre <3

Bela Psicose - 2016

Design e Desenvolvimento por Moonly Design / ©