13.11.16

Resenha | Ed & Lorraine Warren: Demonologistas

13.11.16

''Neste livro, Ed e Lorraine Warren revelam, de forma direta e franca, o incrível segredo daquilo que destrói a paz nas casas mal-assombradas. Eles identificam a categoria de espíritos que vitima seres humanos com a possessão e denominam a atividade poltergeist por aquilo que ela é. Os princípios místicos revelados pelos Warren durante suas explicações foram minuciosamente pesquisados e verificados e, de acordo com a autoridade de textos teológicos e acadêmicos sobre demonologia e exorcismo, as declarações do casal estão corretas. Quando considerado em sua totalidade, o que os Warren dizem simplesmente desafia todas as noções de vida, morte e do lugar do homem neste planeta.'' - pág. 12-13

O livro é basicamente uma biografia do casal, porém não apenas deles e sim relatando os casos. Algumas vezes com citações da Lorraine e muitas pelo Ed, o primeiro capítulo tem o nome de ''Além de Amityville'', mostrando um pouco das palestras que Ed e Lorraine davam ao público. O livro não apenas fala de Amityville, são coisas a mais das citadas do livro Amityville de Jay Anson, vemos um pouquinho da Annabelle, porém existem alguns que não viraram filme, que não tiveram livros dedicados a elas e que com certeza são tão aterrorizantes como Amityville.

''Cientistas descartam completamente a a hipótese da existência de ''espíritos''; a classe médica tende a ver o tema como ilusão ou psicose; e os acadêmicos concebem demônios como uma fantasia. Apenas a classe religiosa dá crédito à noção do demoníaco na alta teologia e, o assunto de repente se torna bastante real.'' - pág. 104


Ed & Lorraine
Ed & Lorraine


''Temos um acordo. Eles não me incomodam e eu não jogo água benta neles.'' - pág. 116 

O livro inclue alguns diálogos com pessoas que no momento da gravação estavam possuídas, um caso que me chamou muita atenção foi o da família Beckford. Uma dica que é presente em quase todo o livro é basicamente: não vá 'brincar' com um tabuleiro Ouija. Essa edição incluem fotos, nos locais, e algumas até no momento em que ocorriam as manifestações.
 ''O espírito demoníaco não tem livre domínio sobre o homem. Em vez disso, pelo exercício do seu livre-arbítrio, homens e mulheres escolhem abrir a porta para o desconhecido e, então, seguem o caminho sombrio.'' - página. 121
Ed & Lorraine
Ed & Lorraine

 
Mesmo com todos os casos detalhados, fotos e etc. O livro em si não me deu medo, não achei super terror (como Amityville), achei a leitura leve e rápida também, o livro foi o que eu esperava, e a edição está maravilhosa. Nesse ponto superou minhas expectativas, na narrativa temos algumas partes com Ed e Lorraine respondendo algumas questões, e outras com eles relatando alguns fatos sobre os casos, o que sem dúvida dá mais aquele clima de história real, e claro o livro fala também sobre o Occult Museum (Museu do oculto). 

''Ed sempre sabe quando há uma cobra no jardim'' - página. 268

Basicamente cada capítulo é um caso, ou a mistura de um e citando outros, já alguns se estendem a dois capítulos, o livro é dividido em 15 capítulos, ou seja vem muito caso aí.
 
"Olhei para aquela pobre alma deplorável dos pés à cabeça e fui tomado de compaixão e pesar. Quando enfim olhei para o rosto do homem, fiquei chocado e dei um passo para trás. O rosto do homem estava contorcido em um perverso sorriso de escárnio - e havia aquele brilho horrendo e inumano de delírio nos olhos. Então, eu soube o que havia acontecido a ela. E aquilo que estava possuindo o homem também me reconheceu. A coisa riu, debochadamente. ''Eu o estou matando! Em poucos dias, ele vai estar morto. E,  sabe de uma coisa, você não pode fazer nada para ajudar. Porque já está feito!'' - página. 201


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Muito obrigada pela visita e volte sempre <3

Bela Psicose - 2016

Design e Desenvolvimento por Moonly Design / ©