26.12.16

Resenha | Os Pássaros

26.12.16
Recebido em parceria com a Darkside Books

Os Pássaros começa num prólogo onde uma filha diz que anotou toda uma história que seu pai a contava. De quando os pássaros apareceram.

Num dia que deveria ser tão comum quanto os outros, alguns pássaros começam a surgir no cenário de Londres. O povo fica muito ansioso em relação a eles, já que é uma situação absolutamente inusitada. Imaginem, do nada surgem MILHARES de pássaros negros no meio da sua cidade que ficam sobrevoando e parando em qualquer lugar que os apetece. Mas de repente a população percebe que eles não são aves inocentes, já que os pássaros começam a atacar as pessoas de forma cruel. 
 
 
 



O interessante é que a população de primeira fica maravilhado com os pássaros e depois eles passam pra fase de terror e medo.

A narrativa é feita na primeira pessoa pelo pai da moça do prólogo. Ele viveu toda a situação com os pássaros. O problema é que a escrita se torna um pouco maçante em algumas partes porque o narrador conta muito da sua vida cotidiana e os pássaros se tornam coadjuvantes. A sinopse parece bastante horrenda, mas na ação não é tanto. Claro, temos sangue e coisas terríveis, mas nem tanto. Eu esperava mais.

Apesar disso tudo, o livro é bom. Se você não se cansar dessa parte “normal” da narrativa. A escrita te prende quando ela foca na situação com os pássaros e é isso. Não é tipo UAU, mas não é algo decepcionante, é apenas diferente do que eu imaginava. 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Muito obrigada pela visita e volte sempre <3

Bela Psicose - 2016

Design e Desenvolvimento por Moonly Design / ©