30.6.17

Resenha | Quinze Dias

30.6.17
Recebido de cortesia da Globo Alt

Quinze Dias é o primeiro livro do Vitor Martins (sim, o booktuber). Conheci ele no sábado passado na Feira do Livro aqui em Brasília, ele é um amor de pessoa gentem <3. Vamos a resenha!


Quinze Dias conta a história de Felipe, ele tem 17 anos e é gordo. E ele é constantemente perseguido na escola por isso, tudo é motivo de criarem novos apelidos maldosos pro nosso personagem. Daí chegam os dias de glória dele – a.k.a as férias – onde ele pode ficar em casa sozinho se afundando em seriado e outras coisas que ele gosta. Só que aí a mãe dele (Rita) conta uma novidade, o vizinho deles, Caio vai passar QUINZE DIAS hospedado na casa deles porque os pais vão viajar e a mãe é uma super protetora que não quer deixá-lo sozinho.
"Às vezes, as pessoas só precisam de alguém que puxe o assunto." - p. 51



"Estou cansado de ser uma partícula de poeira dançando no quarto sem nunca ser notado." - p. 79

Mas até aí o grande problema é só que Lipe não vai poder mais estar sozinho né?


ERRADO.


Caio é tipo crush do Felipe, ou seja, imagina a sua maior crush (celebridade ou não) aparecendo na sua casa e ainda por cima compartilhando o mesmo quarto contigo. Desastre. Felipe é muito tímido e inseguro e não sabe muito lidar com as pessoas, então o clima fica completamente constrangedor entre eles. 
Esse livro maravilhoso vai retratar dois assuntos que estão em alta na nossa sociedade: homofobia e gordofobia. E as situações ocorrem tanto com Felipe quanto com Caio – no caso dele é a homofobia. E as duas problemáticas são importantes na construção e desenvolvimento dos nossos personagens. Felipe tem dificuldade de fazer amizades – a única pessoa que ele tem contato (fora a terapeuta) é a mãe, não que isso seja errado – e Caio tem alguns conflitos relacionados a sua sexualidade e com sua mãe (vocês vão entender). 

"A verdade abre o caminho para as coisas boas. Acho que foi minha mãe que disse isso uma vez. Ou Dumbledore." - p. 79
O autografo que eu consegui na Feira do Livro <3


Os personagens secundários são tão cativantes quanto os principais. Rita e Beca (melhor amiga de Caio) são tipo sensacionais. Elas foram as protagonistas da maior parte das cenas em que eu ri. Inclusive, essa é uma leitura muito engraçada, apesar da temática que fala de preconceitos. A Beca é negra, gorda e passa muito bem obrigada. Uma mulher empoderada, mas com dificuldades como qualquer ser humano. O Vitor expôs muito bem as minorias dentro do livro e teve um determinado ponto em relação a Beca que eu fiquei tão pasma quanto o Lipe (tô bem íntima mesmo). Outra coisa que é muito presente aqui é a Internet, acho que o fato de o Vitor estar nesse universo fez com que ele soubesse conversar bem com a narrativa. As pesquisas do Google que o Felipe fazia... Ai gente haha. 

"Coisas incríveis podem acontecer se você começar a falar." - p. 92
A narrativa é na primeira pessoa tudo pelo ponto de vista do Felipe. Foi bom estar na pele dele enquanto lia o livro, sentir as inseguranças junto com ele. Foi o que me fez ler o livro tão rápido, me senti totalmente inserida nesses quinze dias com os dois. O livro é curto, mas entrega o que foi “prometido”. Você pode achar que as coisas acontecem meio rápido, mas na finalização você percebe que não foi assim. A única coisa que eu queria era agora um ponto de vista do Caio (que tal Vitor e Globo Alt?)

"Existem alguns tipos de felicidade que são óbvios como uma placa de neon piscando em cima da cabeça da gente." - p. 203

Vitor, obrigada pelas referências a Friends.
 
Quinze Dias é uma história que fala sobre autoconhecimento, superações e sobre se aceitar. Esquecer padrões colocados na nossa cabeça e ser feliz. É um livro tão amorzinho quanto o autor que soube usar muito bem as palavras e escreveu uma história simples, mas que toca.


O mundo inteiro é seu, meu e nosso!



"Quando você tem medo da resposta, você simplesmente não pergunta." - p. 131

23 comentários:

  1. Olá
    Por coincidência, resenhei esse livro hoje lá no blog também. Amei poder conferir a história, além de sua resenha que ficou linda, assim como as fotos. Esse marcador é a coisa mais fofa né? Todos os personagens são mesmo muito cativantes. Adorei!
    beijos, F

    ResponderExcluir
  2. Oi Ana, adorei sua resenha e conhecer um pouquinho sobre o livro. Mais um para lista, apesar do tema, quero ver como abordado com essa linguagem mais leve e ver como serão esses 15 dias. Bjs

    ResponderExcluir
  3. Este é o livro que com certeza, eu mais quero no momento. Sei que se trata de uma história bonita e pertinente aos dias de hoje e eu espero poder ler o mais rápido possível. Amo o canal do Vitor e quando ele leu o primeiro capitulo, me deixou muito curiosa.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Que livro lindo! Eu conheço o trabalho do Vitor faz pouco tempo e fiquei sabendo sobre o livro esses dias. Achei a proposta MUITO legal e parece ser uma leitura que apesar de ter um tema complexa, bem rápida né?
    Fiquei com muita vontade de ler e as suas fotos ficaram lindas.

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Esse livro está na minha lista de desejados. E a cada resenha que leio sobre ele me encanto mais um pouco com o enredo e seus personagens, mesmo ainda não tendo o lido. Adoro enredos simples, mas que ao mesmo tempo tenham algo de positivo a nos passar. Bexitus, adogueeeei sua resenha!

    ResponderExcluir
  6. Oie...
    Amei sua resenha!
    Adoro o Vitor e com certeza bem brevemente irei realizar a leitura! Achei a premissa dele bem legal e acho que muito interessante ele falar de temas tão densos numa narrativa leve.
    Dica anotada!
    Bjo

    ResponderExcluir
  7. Eu comecei a acompanhar o vitor esse ano e gosto bastante do conteúdo do canal dele. Muito provavelmente por isso estou com bastante vontade de conhecer o livro, acho que ele levanta questões importantes como a gordofobia, um assunto que está sendo mais discutido atualmente. A capa está bem bonita a meu ver, gostei da arte e das cores! Enfim, mais um livro pra wishlist <3
    Beijos! ♡
    Colorindo Nuvens

    ResponderExcluir
  8. Olá, eu quero muito ler esse livro, ainda mais depois de conferir sua resenha. Eu amo leituras que tragam um toque de humor, e o protagonista me parece passar por situações bem tensas, imagino como ele deve ter ficado ao saber que não estaria mais sozinho nas férias. Gostei muito da resenha.

    ResponderExcluir
  9. Oie! Tudo bem?

    Como eu disse na outra resenha sobre esse livro, amei demais a proposta da obra e com certeza colocarei ela na minha lista de desejados e indicarei para uma amiga que com certeza amará a história!

    BJss

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem?
    Acabei de ler uma resenha desse livro, e se já estava convencida a ler antes, agora eu preciso para ontem!
    Amei essa capa desde que a vi, e sua resenha me deixou morrendo de amores!
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  11. Oie! Já vi várias pessoas elogiando esse livro. Eu não conhecia o booktuber, mas tenho visto que o lançamento dele tem conquistado diversos leitores. Não é o tipo de leitura que eu estou procurando agora, mas adorei sua resenha e ver que o livro te conquistou tanto assim. Eu achei muito linda a edição do livro e esse poster. Apaixonei pelo marcador!

    Beijos, beijos.

    ResponderExcluir
  12. Olá Ana,
    Acompanho o Vitor em seu canal e tenho visto a divulgação dele do livro, bem como várias resenhas positivas. A obra é muito bonitinha, pelo que tenho percebido. Ela é bem construída e, além de mostrar a história pro leitor, mas a nossa vida virar história ao nos colocarmos no lugar do personagem e, até, nos entendermos melhor.
    Dica anotada, sem dúvidas.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  13. Passsei a poucos por um blog e tinha comentado por lá que era a primeira vez que tinha visto uma resenha sobre o livro. Vou lhe dizer, se na resenha anterior eu me apaixonei pelo livro agora então, vc sacramentou esse amor.

    Adorei a ideia do Vitor abordar sobre dois assuntos que hj em dia são tão polêmicos. O livro deve ser simplesmente encantador.

    Amei o seu ponto de vista sobre o livro. Ficou ótima sua resenha

    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Esse livro parece ser tão bom, e essa capa é tão linda, já tinha visto algumas resenhas dele, agora tenho certeza que quero ler.
    Parabéns pela resenha e fotos.

    Beijos
    Leitora Dramática
    https://blogleitoradramatica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oiiii tudo bem??

    Eu fiquei sabendo que esse autor é booktuber em outra resenha, mas não sei quem é acredita??
    Quanto ao tema do livro, estou um pouco cansada, apesar de ser importante, acho muito repetitivo, e estou fugindo de livros assim. Mesmo todo mundo elogiando.
    Adorei sua resenha.
    Bjus Rafa

    ResponderExcluir
  16. Oi!
    Eu estou LOUCA para ler esse livro, simplesmente louca.
    Achei incrível o autor falar tão bem assim das minorias em seu livro, porque hoje em dia é difícil encontrar um livro que fale tão bem sobre como nós gordos nos sentimos, tudo que passamos e tals, imagina então como deve ser ainda mais difícil para alguém que é gordo e gay, gorda e negra. Enfim, a premissa desse livro é sensacional, espero poder ler em breve

    www.gordinhaassumida.com.br

    ResponderExcluir
  17. Está todo mundo falando bem deste livro e agora vi que você citou a gordofobia e isto é algo bem importante de se comentar. Porque isso influencia em muita coisa na auto-estima das pessoas, por mais que seja ridículo alguém julgar por esta questão.

    Greice Negrini
    Blogando Livros

    ResponderExcluir
  18. Oi, tudo bem?
    Eu acabei de ler uma resenha sobre esse livro e fiquei muito curiosa, pois a premissa é bem bacana e o Felipe parece ser um protagonista muito cativante mesmo, sem contar que o livro aborda dois assuntos bem importantes e interessantes. Enfim, eu já tinha ficado animada com esse livro, agora com sua resenha fiquei ainda mais.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  19. Olá tudo bem?
    Menina, adorei sua resenha. Ta maravilhosa!
    Gostei bastante de saber do quanto essa história foca nesses problemas tão presentes no nosso dia e dia e ainda assim conseguir ser leve e divertida. Isso só demonstra o quanto o Vitor é talentoso.
    A capa é maravilhosa e, se não soubesse do que se trata, compraria ainda assim.
    Adorei e já anotei a dica.
    Bjs

    ResponderExcluir
  20. Oi, Ana!
    Estou super curiosa para ler esse livro devido a todos os comentários elogiando a história. Adoro tramas que trazem assuntos sociais importantes e acho super válidos debatê-los na literatura principalmente a jovem. Com certeza é uma leitura que vou fazer em breve.

    Beijos,

    Rafa [ blog - Fascinada por Histórias]

    ResponderExcluir
  21. Oi.

    Acho que ouvi sobre esse livro através do autor na página do Facebook. Ainda não pude conferir, mas fiquei bem interessada na temática do livro. Tenho certeza que se trata de uma ótima leitura.

    ResponderExcluir
  22. Olá Ana... Nossa a quanto tempo eu não passo aqui pelo seu blog não? Ele está lindo demais!!
    Não conhecia esse livro, achei bem interessante os temas abordados e o fato de a narrativa alem de tudo ser leve... me conquistou.
    Sem duvidas o leria

    beijos
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  23. Olá Ana,

    Acabei de ler uma outra resenha sobre esse livro e já tinha ficado apaixonada, e agora com sua resenha estou louca para ler esse livro, preciso dele para já. Acho incrível como alguns autores conseguem abordar temas tão importantes de forma tão leve. Acho que li poucos, ou nenhum livro com personagens gordos ou lgbt, os dois juntos então, eu tenho certeza que nunca nem ouvi falar de livro assim.

    Beijos e obrigada pela resenha!
    http://floraliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada pela visita e volte sempre <3

Bela Psicose - 2016

Design e Desenvolvimento por Moonly Design / ©