17.7.17

Resenha | Felizmente, o Leite

17.7.17

Em Felizmente, o leite temos uma história que seria perfeita pra ler pros filhos antes de dormir ou pra despertar a criatividade delas.

A história é de um irmão, uma irmã e um pai. Não temos os nomes deles, a mãe está em uma conferência, mas deixou tudo organizado pra família sobreviver, a única coisa que o pai precisa fazer é comprar o leite que está acabando.

Isso vira uma aventura no tempo e espaço

 



Os filhos ficam em casa esperando o pai voltar e isso demora um pouco e quando ele volta, o Pai sai contando uma história bem louca envolvendo uma máquina do tempo, piratas, um estegorossauro cientista e alienígenas gosmentos.

A narrativa é direcionada ao público infanto juvenil e é muito boa. A história flui rápido, às vezes você fica meio perdido porque é muita informação, mas dá pra compreender tudo certinho. Senti influência do Douglas Adams e saquei algumas referências, é uma leitura muito gostosa e engraçada. Você lê bem rápido, coisa de horas. Recomendo muito esse lado do Gaiman e as ilustrações são uma maravilha!


A resenha ficou curtinha, mas é porque tudo se torna um spoiler, e considerando que é um livro bem curtinho... não tinha outra forma.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Muito obrigada pela visita e volte sempre <3

Bela Psicose - 2016

Design e Desenvolvimento por Moonly Design / ©