22.1.18

Resenha | Dumplin'

22.1.18

"Não podemos ter coisas maravilhosas o tempo todo. Esqueceríamos o quão maravilhosas elas são." - p.46 

Willowdean é uma garota gorda. Ela sabe disso, sua mãe sabe disso, sua melhor amiga Ellen e sua tia Lucy sabia disso. Will é insegura, mas em alguns níveis ela aceita o seu corpo. O grande problema é que na sua cidade existe um concurso de beleza no qual sua mãe é a grande organizadora. Ela nunca tinha pensado em participar, até que encontra no meio das coisas de sua falecida tia Lucy (com quem tinha muita intimidade) um dos formulários de inscrição do concurso. E aí ela se inscreve.

A trama da história acompanha Will/Dumplin – apelido dado pela sua mãe – na saga de participar desse concurso e ter que lidar com o julgamento dos outros e com o próprio julgamento que ela tem de si. Porque, apesar de todos que leram terem dito que ela se aceita super, eu não enxerguei dessa forma. Realmente, ela consegue entender que aquele é o corpo dela, mas Will é insegura durante quase toda a história. A autora desenvolveu isso em certo nível, mas poderia ter sido mais.


"Fazer bem uma coisa não significa que se tenha a obrigação de fazê-la. Só porque é fácil não quer dizer que seja certo." - p. 167



"[...] As boas amizades são duradouras. Elas têm que sobreviver aos vãos, fendas e às dificuldades da adolescência. (da vida no geral. Nota de quem escreve a resenha, euzinha.)" - p. 185

Como plot secundário, temos a vida amorosa de Will é sua amizade com Ellen/El. Will é super afim de Bo, o cara que trabalha no mesmo lugar que ela, mas ela não consegue se enxergar tendo alguma coisa além de amizade com ele, justamente pela sua insegurança. Outro personagem que entra numa espécie de triângulo amoroso é Mitch, um garoto meio popular da escola que anda com o maior Bully de Willowdean na escola. No início desconfiei dele, mas depois ele se mostra um personagem muito amorzinho e #deservedbetter.

"A perfeição não é nada mais do que um fantasma que perseguimos." - p. 193

Quanto a amizade com El, acho que pela situação que a autora colocou, ela ficou meio esquecida na história. Tá Ana, ela era personagem secundária, mas não houve um espaço pra meio que mostrarem o lado dela. Os personagens secundários no geral me geraram grande simpatia. Gostei deles.

"A sensação de ver as pessoas irem embora é assustadora." - p. 248

Numa narrativa na primeira pessoa pelo ponto de vista de Willowdean acompanhamos ela se afastando de pessoas, se aproximando de outras (viva a Millie, Amanda e Hannah – que também não se encaixam no padrão miss), se apaixonando, lidando com a perda da tia e aprendendo a se amar. Em alguns momentos achei Will bem julgadora, um pouquinho egoísta e meio hipócrita. A personagem na maior parte do livro me irritou, seja pelo modo que tratava El, ou a mãe - tudo bem, às vezes a Will tava certa - e principalmente nas escolhas amorosas dela. Como falei ali em cima, não achei essa postura de "me aceito do jeito que sou" tão firme da parte de Will, ela se autodepreciava muito pra alguém que tem essa postura de se amar.

Mas no geral, foi uma leitura bem rápida, leve, e que dá sim pra levar de lição em relação a gordofobia, o livro tem alguns problemas no desenvolvimento, mas valeu a leitura pela diversão de acompanhar Will no concurso. Lucy gostava muito de Dolly Parton, e Will acabou adquirindo esse fangirlismo pra ela, então fica aí a música mais citada da cantora! Licencinha porque eu peguei uma versão com a Miley Cyrus (que eu ouço).


"Algumas coisas não podem ser remediadas. Pelo menos, não para sempre." - p. 304
se você compra por esse link eu ganho uma pequena comissão




21 comentários:

  1. Ola
    Sabe aquele livro que você fica na duvida se compra ou não? Estou assim com esse, já li orimas resenhas sobre e tambem resenhas muito negativas, sou daquela que tem que ler pra tirar suas conclusões mas realmente fiquei na duvida..kkkk
    Quando me decidir compro o livro atravez do seu link.
    Gostei da resenha.
    Bjus

    ResponderExcluir
  2. Oie
    Esse livro está na minha meta de 2018, espero gostar. Achei muito criativo essa abordagem da protagonista gordinha, diferente dos clichês que lemos por aí. Espero que ela consiga ter o romance com o cara que ela gosta kk Amei a resenha.
    Bjos, Bya! 💋

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem?

    Já vi muito a capa desse livro rodando por vários blogs, mas nunca parei pra ler ao menos a sinopse, mas li a resenha, e nossa! Parece ter aquelas histórias incríveis e motivadoras, com certeza eu ia amar a Willowdean.

    Abraços,
    https://jovemcigano.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Conheci esse livro na bienal do rio/2017, mas nunca tinha lido nada sobre ele ou mesmo sabia exatamente do que se tratava. Gostei bastante de conhecê-lo atraves da sua resenha e fiquei bem curiosa para saber como tudo acontece.
    Obrigada pela dica!

    ResponderExcluir
  5. Esse é um daqueles livros que eu amo pelas resenhas que leio, exatamente por fugir dos esteriótipos de protagonistas que vemos por aí. Sem dizer que aposto na leveza e fluidez que todos dizem ter. Espero ler em breve.

    Beijos.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Eu amei essa leitura <3
    Finalizei apaixonada e inspirada <3

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem? Tenho muita vontade de ler este livro, pois parece passar lições bem importantes e ser uma leitura divertida, ao mesmo tempo. Adorei os quotes e sua resenha!

    Beijos,
    https://duaslivreiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Eu amo esse livro e adorei ver a por aqui a sua resenha sobre ele. Agora eu quero muito assistir ao filme, estou curiosa demais. Ah, amei as fotos <3

    ResponderExcluir
  9. Oi, tudo bem?
    Está na minha meta de leitura e não vejo a hora de ler,! Estou na metade de uma trilogia, que cada livro tem 600 paginas! Terminando a trilogia, pego este! Adorei a resenha!
    http://colecionandoromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oii!!
    Ainda estou em dúvida sobre esse livro, não sei se leio ou não. Até agora não encontrei nada que me chame atenção no enredo. Talvez o leia em um outro momento.

    Bjs
    www.livrosdabeta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Olá, acho que a sua é a primeira resenha a apontar esses pontos não tão positivos sobre o livro, mas ainda assim é uma leitura que eu quero muito fazer por ter encontrado tão poucos livros que tragam uma protagonista como essa.

    ResponderExcluir
  12. Eu vi tantos comentários positivos sobre esse livro que estranhei não ter nenhuma crítica, acho que o tema é muito necessário sim, é um dos motivos que me leva a querer ler, mas é uma pena que não tenham desenvolvido tão bem e a personagem não seja tão firme assim.

    ResponderExcluir
  13. Nossa, ganhei esse marcador na bienal, mas nao imaginava que a historia era tao fantastica. Ja esta na minha lista. Adoro essas historias. E acho mesmo que temos q conversr sobre gordofobia
    Bjs floooor

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Essa será uma das minhas próximas leituras. A personagem parece bem marcante e acho que a história traz pontos legais para analisarmos no estilo de vida dela.
    Espero que a adaptação cinematográfica fique parecida com a história do livro.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  15. oi! Interessante suas colocações e já ouvi opiniões semelhantes ao modo como a protaggonista age em relação a si própria. Mas, ainda assim gostei de saber que é uma história rápida e leve de ser lida.

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    Eu não conhecia esse livro, mas gostei da história. É um enredo bem diferente dos que costumo ler.
    Pelo que percebi, a obra traz uma mensagem bem bacana, pois muitos mulheres se sentem o mesmo sentimento da protagonista.
    Adorei a dica e pretendo lê-lo em breve.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  17. Eu já vi outras resenhas desse livro, e apesar de ter achado bastante interessante e diferente o enredo, por tratar de um tema que não vemos com muita frequência por aí nos livros, nunca me senti realmente tentada a ler. De todo jeito, vou guardar a dica pra quem sabe mais na frente, eu leia.

    Um beijo, Por Amor aos Livros

    ResponderExcluir
  18. Oii! Adorei a sua resenha e achei interessante a mudança da personagem ao longo da história e que apesar de ainda ter as suas inseguranças, ela consegue enfrentá-las. Parece ser um livro divertido, espero conferir essa obra um dia. Bjss!

    ResponderExcluir
  19. Eu amei tanto Dumplin <3 Passa tantas mensagens que precisamos levantar nesse momento. E cada vez que ouço Jolene tenho vontade de ler novamente.
    Espero que o filme faça Jus a obra.
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Oi!
    Gostei muito da sua dica de leitura. Já tinha visto algumas resenhas por aí e por se tratar de uma leitura leve que nos garante algumas reflexões, tenho interesse em adquiri-lo. Adorei as suas fotos e a resenha.

    ResponderExcluir
  21. Pelo jeito a caracterização da protagonista não convence. E por conta de algumas ressalvas,talvez eu leia mas não é prioridade.

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada pela visita e volte sempre <3

Bela Psicose - 2016

Design e Desenvolvimento por Moonly Design / ©