20.2.18

Resenha | Um Encontro de Sombras

Recebido em parceria com o Grupo Editorial Record

Um Encontro de Sombras é a continuação de Um tom Mais Escuro de Magia (leia a resenha dele aqui). Essa resenha tem o mínimo de spoilers possíveis.

O segundo volume da trilogia acontece quatro meses depois dos acontecimentos do primeiro livro, a noite negra, o embate de Kell e Holland, a derrota dos Dane e a partida de Lila. Kell agora é muito mais temido, depois do que fez para salvar Rhy, poucos admiram Kell no momento e o rei Maxim o mantém basicamente preso no castelo e isso está o sufocando. Lila depois de partir foi procurar sua liberdade e acabou em um navio pirata, onde o Capitão é Alucard. Rhy agora é menos festeiro, e tenta se encaixar no papel de príncipe para ser o futuro Rei.

A Londres Vermelha está prestes a ter os tradicionais Jogos Elementais, que é uma competição de magia internacional bem extravagante pra manter os países vizinhos amigos por meio do entretenimento. O problema é que outra Londres está se reerguendo e isso não pode acontecer.

"Vi pessoas pecarem em nome de Deus e em nome da magia. As pessoas abusam de seus poderes superiores, não importa qual forma tenham." - p. 127



Bom, pra quem acompanha o Instagram do blog, sabe que eu comentei vários dias que eu simplesmente não conseguia ler Um encontro de sombras. O início é muito muito lento, e em muitos níveis esse livro é diferente do primeiro (do qual eu gostei muito). Insisti na leitura porque ainda vai vir mais um volume e eu precisava saber como ele seria finalizado pra poder ler o terceiro sem problemas. 

"Força e fraqueza são coisas entrelaçadas. São muito parecidas, e muitas vezes as confundimos, da mesma forma como confundimos magia e poder." - p. 184

A narrativa se mantém na terceira pessoa dando um vislumbre mais amplo dos nossos queridos (e nem tão queridos) personagens. Vi muita gente comentando que realmente, o início é lento, mas que depois melhorava. Mas sendo bem sincera, comigo não melhorou. Eu fui arrastando a leitura com a barriga e cheguei até a pular alguns capítulos. Inclusive, pra mim, muitas páginas desse livro poderiam ser eliminadas facilmente, porque foram mais uma técnica de enrolação do que algo útil ao enredo.
 



 "Na verdade, todos acreditamos na mesma coisa, apenas damos nomes diferentes a ela. Isso não é crime." - p. 223



Só quando cheguei nas últimas cem páginas que consegui sentir alguma coisa importante acontecendo na história e me senti presa a leitura. Pelo final, eu acredito que valha a pena ler o livro. E também, achei interessante a mudança de comportamento de Rhy depois do que aconteceu lá no primeiro livro. Senti o sufoco de Kell dentro desse livro e fiquei feliz porque Lila ainda é uma personagem feminina forte (e muito cabeça dura).


O segundo livro com certeza não foi uma boa experiência pra mim, mas como eu disse, o final me agradou, então estou esperando o terceiro livro pra ver como a autora vai finalizar essa história.


"Porque ter muito pouco de algo é tão perigoso quanto ter demais." - p. 512

http://amzn.to/2BGcDuH 
se você compra por esse link, eu recebo uma pequena comissão que ajuda o Bela Psicose a crescer




9 comentários:

  1. Oi Ana,
    Ainda não li Um Tom Mais Escuro de Magia, então, não li sua resenha toda. Fiquei com medo de pegar algum spoiler do primeiro livro. Pretendo ler ainda neste primeiro semestre.
    Beijos,
    André | Garotos Perdidos

    ResponderExcluir
  2. Olá
    É tão ruim qdo isso acontece. O tem algumas trilogias que vi resenhas que o segundo livro foi fraco mas o ultimo fechou com chave de ouro. Espero que seja o caso pois esses livro foral muito recomendados pea mim.
    Adorei o post e as fotos.
    Bjus

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Tenho vontade de conhecer as escritas dessa autora, queria começar pelo livro A Melodia Feroz, pra depois mergulhar no primeiro livro Um tom Mais Escuro de Magia. Mas, lendo sua resenha já me vejo na dúvida de qual saga começar primeiro. rsrs
    Nizete
    cia do Leitor

    ResponderExcluir
  4. Eu amei o primeiro livro, tanto que fui correndo comprar o segundo, mas ainda não o li. Que pena que ele não teve um bom ritmo segundo a sua resenha, mas quem sabe eu goste, né?! Tomara que o próximo seja melhor.

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia o livro, mas achei a capa bem linda! Pena que não rolou pra você né :( Beijos <3

    ResponderExcluir
  6. Olá,
    Uma pena esse segundo volume não ter lhe agradado tanto, sendo lento e somente nas últimas páginas ele tenha conseguido mostrar-se interessante.
    Não tive a oportunidade de ler nenhum dos dois volumes da série, mas essa sua dificuldade me deixou um tanto triste, de modo que vou esperar o terceiro volume para saber algumas opiniões e só então decidir se embarco na leitura da trilogia ou não.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir
  7. Oie
    ja ouvi falar muito sobre esse livro mas sinceramente não sei se leria por agora, uma pena que o livro não funcionou para você, imagino que para mim também não rolaria. Parabéns pela resenha e pela sinceridade

    beijos
    http://www.prismaliterario.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Geralmente nas trilogias os segundos livros são sempre mais parados, parece que é meio que uma ponte entre o primeiro e o segundo, rs. Eu ainda não li o primeiro livro, mas vejo muitas pessoas falando bem, então pretendo comprar em breve eheh. Os Delírios Literários de Lex

    ResponderExcluir
  9. poxa, que pena que a leitura não funcionou com você por ser lenta demais, às vezes acontece, né!?!
    Eu fiquei curiosa com a obra por causa da capa e se tiver uma oportunidade, lerei.

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada pela visita e volte sempre <3

Bela Psicose • 2014 - 2018 Feito com ♥ por Lariz Santana